Portugal prolonga las restricciones ante la alta transmisión de ómicron hasta el 14 de enero

El Gobierno portugués ha anunciado hoy que prolongará restricciones como el test negativo para entrar por vía aérea en el país y el límite de aforo en comercios ante la alta transmisión de ómicron y que mantendrá hasta el 14 de enero el teletrabajo obligatorio y el cierre del ocio nocturno.

El primer ministro, António Costa, ha explicado en rueda de prensa este jueves que el país se enfrentará en las próximas semanas a un “crecimiento significativo” de los contagios de coronavirus hasta cifras récord, por lo que defendió que estas medidas son anunciadas respondiendo al principio de “cautela”.

A maconha pode ajudar a combater o coronavírus, mas não se empolgue demais

O cânhamo (Cannabis sativa), do qual se extrai a maconha, pode se juntar ao arsenal de armas contra a COVID-19 que estamos disponibilizando aos poucos. Pelo menos, essa é a conclusão de um estudo publicado recentemente no Journal of Natural Products. No entanto, se você está pensando em fumar alguns baseados para manter o coronavírus afastado, lamentamos dizer que não adiantará nada. O tema não funciona assim.

O que os autores do estudo, da Oregon State University, viram é que, in vitro (em condições de laboratório), pode afetar a capacidade do vírus de infectar nossas células.

É importante ressaltar que ela só foi vista em laboratório, pois um punhado de células cultivadas em uma placa de Petri (aquelas placas redondas usadas em laboratórios) não é o mesmo que aquelas mesmas células que fazem parte de um organismo vivo cheio. O que funciona de um jeito pode não funcionar de outro. No entanto, os resultados têm sido tão promissores que esses pesquisadores acreditam que podem estar a caminho do futuro desenvolvimento de um antiviral baseado em dois ingredientes derivados do cânhamo, do qual a maconha é extraída.

Os confinamentos causam impacto econômico e psicológico

Por outro lado, o proeminente economista Rob Arnott criticou muito as políticas de confinamento que se originaram para “se proteger” do coronavírus e destacou que “confinamentos também custam vidas”. Nesse sentido, fez referência a um estudo elaborado para a Fundação Reason, que destaca o excesso de mortes por suicídio, homicídio, acidentes ou overdoses durante o confinamento.

Diante disso, o Jornal da Faculdade de Medicina Humana explicou por meio de um relatório que, no caso do Equador, durante o fechamento por estado de emergência em 2020, foram registrados 97 suicídios entre adolescentes entre 10 e 19 anos. O maior número foi estimado em homens entre 15 e 19 anos, sendo a idade mais frequente 19.

Porém, apesar de ter esses números, foi esclarecido no documento que o contexto pandêmico não aumentou a taxa de mortalidade por suicídio em si, mas sim “aumentou o peso do sofrimento psíquico, o que pode levar os adolescentes a pensarem em suicídio.

A Organização Mundial da Saúde já anunciou que o coronavírus não irá embora, mas se tornará uma doença endêmica como a gripe. Por este motivo, cada vez mais especialistas recomendam reduzir os confinamentos e manter os mais vulneráveis ​​seguros.

Ihu, o que há de novo nessas variantes?

Nesta terça-feira, por meio do jornal ABC, um grupo de cientistas franceses estuda o surgimento de uma nova variante do coronavírus, provisoriamente chamada de IHU, pelo Instituto Hospitalar Universitário de Marselha, que a batizou com iniciais próprias.

De acordo com o que é replicado no jornal espanhol, essa nova cepa teria até 46 mutações e 37 deleções. Os resultados foram pré-publicados em ‘medRxiv’. Neles, são analisados ​​12 pacientes com coronavírus que viviam na mesma área geográfica da França.

Da mesma forma, explica-se que os testes realizados detectaram mutações que apresentavam uma “combinação atípica”. Os casos podem estar relacionados a uma viagem a Camarões.

Flurona, a nova fusão que preocupa a sociedade

No que diz respeito às novas mutações, com o ano novo, também chegou um novo vírus. 2022 começou com uma nova composição do coronavírus, que está com o mundo em espera desde o final de 2019. Desta vez, é uma combinação do COVID-19 com a gripe comum (influenza).

Agora que o omicron se fundiu com a gripe e deu origem à variante do fluron, que também apresentou sintomas leves, primeiro os cientistas israelenses e depois os dignitários sugerem a imunidade coletiva como uma opção. Por exemplo, Nachman Ash, diretor-geral do Ministério da Saúde de Israel, disse que agora é possível que a imunidade coletiva seja alcançada como resultado do nível significativo de infecções.

O principal oficial de saúde do país espera que as infecções diárias em Israel atinjam níveis recordes nas próximas três semanas. O primeiro caso diagnosticado foi em uma jovem grávida. Embora tenha sido detectado em 30 de dezembro, foi somente no início do novo ano que a notícia foi divulgada.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou que o coronavírus não será erradicado, mas se tornará tão comum quanto a gripe. E o flurone mostrou que eles podem até mesmo se fundir. Diante disso, prevalecem duas posições: a necessidade de ser vacinado à medida que surgem mais variantes ou de permitir que a imunidade do rebanho seja gerada por exposição natural e resistência.

El Gobierno portugués ha anunciado este jueves que prolongará restricciones como el test negativo para entrar por vía aérea en el país y el límite de aforo en comercios ante la alta transmisión de ómicron y que mantendrá hasta el 14 de enero el teletrabajo obligatorio y el cierre del ocio nocturno, previstos hasta el 10 de enero.

A partir del 14 de enero, para entrar en bares y discotecas, así como en residencias y grandes eventos, se mantiene la exigencia de presentar un test negativo de coronavirus, aunque quedan exentas aquellas personas que hayan recibido la dosis de refuerzo al menos 14 días antes.

Portugal estende restrições até 14 de janeiro


Os limites de capacidade nas lojas e o teste negativo para entrar no país por via aérea, assim como nos restaurantes e hotéis, deviam ser mantidos inicialmente até 10 de janeiro.

Portugal: „Eindämmungsfrist“ hält Schulen geschlossen

Die Schulen und Kindergärten in Portugal sollten an diesem Montag den Unterricht wieder aufnehmen, bleiben aber bis zum 10. Es ist Teil des von der Regierung des sozialistischen Landes António Costa beschlossenen Maßnahmenpakets, um die Auswirkungen von Omicron einzudämmen. Die “Eindämmungsfrist”, die am 25. Tag begann und bis zum 9. Januar in Kraft ist, umfasst weitere Maßnahmen wie die Einführung von Telearbeit in allen Bereichen, in denen dies möglich ist, und Beschränkungen für Hotels, Restaurants und Shows,

Ómicron: Estos son los síntomas de la nueva variante

Ómicron se está apoderando del mundo: En Estados Unidos ya representa el 73 por cientode todos los casos secuenciados de COVID-19. En Europa, el nuevo linaje del coronavirus ya ha sido detectada en al menos 38 países y ya es lavariante dominante en Reino Unido, Dinamarca y Portugal. En México, se han confirmado 23 casos y se tiene la sospecha de cuatro más en Tabasco.

Sin embargo, todas estás cifras pueden no estar representando realmente la presencia del ómicron en el mundo, ya que cuando una persona obtiene una prueba positiva de COVID-19, no tienen forma de saber cuál fue la variante que infectó su cuerpo, si ómicron, delta, o el linaje original.

O VERDADEIRO VALOR DO NATAL

Neste momento, partilhar as tradições em família e transmitir a importância de dar e receber amor, de ser solidários, de alimentar o espírito e de gozar as pequenas coisas da vida, torna-se o melhor presente que podemos oferecer aos nossos entes queridos. É um momento de renovar a fé em Deus, amar os outros e demonstrar amor e paz. Para isso, é fundamental compartilhar valores com as crianças e ensiná-las que a felicidade não está apenas em presentes e presentes materiais. O principal é desfrutar com alegria e espiritualidade. Transmita aos seus filhos a mensagem de renovação da fé e da alegria que acompanha as tradições do Natal. São maneiras de cultivar o espírito e encontrar a felicidade dentro de cada um. Refletir e orar juntos, falar sobre o significado do Natal nas diferentes tradições religiosas, contar anedotas sobre a celebração dessas tradições na família, são uma forma de fortalecer o espírito natalino. Além disso, é hora de compartilhar com os entes queridos e dar, não apenas receber. O Natal é uma época de costumes que o convidam a participar de uma mensagem de amor e dedicação. Incentive seus filhos a pensarem nos outros, sem se limitarem aos amigos íntimos ou conhecidos. Ensine-os a compartilhar com os necessitados, a apoiar e estar dispostos a dar abnegadamente. Não se preocupe com a lista de presentes. O que pedimos de nosso coração tem grande valor. Por exemplo, a saúde de um membro da família, o bem-estar de amigos ou uma vida em harmonia. Além disso, nem todos os presentes feitos no Natal devem ser comprados. Você pode dar um cartão ou fazer um convite para comer. Diante das mudanças no mundo moderno, muitas dessas tradições se perderam. Na verdade, muitas crianças parecem alheias aos rituais familiares do passado. Essas celebrações familiares criam laços emocionais de amor e alegria. Portanto, aproveite para resgatar, com seus filhos, tradições como cantar canções natalinas, fazer receitas e compartilhá-las com os vizinhos, contar histórias de Natal, fazer artesanato ou jogar bônus de Natal. Acima de tudo, uma atitude amorosa, generosa e alegre é o melhor para transmitir aos filhos