A portuguesa ‘Maria’: Portugal, a maior potência produtora de cannabis na Europa?

A maioria dos europeus considera Portugal o “irmão pobre” do continente, um pequeno país em declínio, conhecido pelas suas costas ensolaradas, bacalhau e toalhas. Em poucos anos, porém, a concepção do país vizinho poderia ser a de um estado ressurgente, enriquecido por seu novo status de maior fornecedor de cannabis legal para a União Europeia. Fá-lo-á trocando a ‘maría’ da canção mítica de Carlos Cano por aquela que, em forma de cigarro, é fumada em toda a Europa; a portuguesa ‘Maria’.

Cada vez mais os Estados da UE permitem o uso de cannabis, mas nem todos têm capacidade agrícola para produzir a planta e nenhum deles liberalizou o seu cultivo. A crescente demanda torna urgente a necessidade de encontrar uma fonte legal para a produção de maconha.

PORTUGAL DESCRIMINALIZA TODAS AS DROGAS

POR QUE PORTUGAL DESCRIMINALIZOU AS DROGAS?

TERMINE A PANDÊMICA

A POPULAÇÃO PORTUGUESA SOLICITA A REMOÇÃO DAS RESTRIÇÕES E DO TOQUE DOS RESTANTES PARA “FIM” DA PANDEMIA

O NOVO CAMPEÃO DA LIGA NOS: LISBON SPORTING

O ESPORTE DE LISBOA É CAMPEÃO DA LIGA APÓS 19 ANOS SEM OBTER ESTE TÍTULO

Nova York diz sim à maconha

Nueva York dice sí a la marihuana
As autoridades do estado de Nova York chegaram a um acordo para legalizar o uso recreativo da maconha, para o qual a “Lei da Cannabis” está sendo finalizada, conforme relatado por fontes legislativas à CNN.


A nova Lei da Cannabis levará à criação do Cannabis Management Office (OCM), órgão que será controlado por um Conselho de Controle da Cannabis, que será as entidades reguladoras em todas as questões relacionadas com o cultivo e consumo desta substância entorpecente.
Assim que for finalmente aprovado, os cidadãos do Estado de Nova York com mais de 21 anos poderão cultivar suas próprias plantas de maconha em suas casas e, além disso, os estabelecimentos varejistas que vendem produtos relacionados a essa substância terão que enfrentar um novo imposto de 13%.